Notícias

» » Rdc 197: Conheça Alternativas Econômicas Para Se Adaptar Às Novas Regras

27/03/2018

RDC 197: conheça alternativas econômicas para se adaptar às novas regras

No final de 2017, o Ministério da Saúde publicou a RDC 197, que regulamenta as atividades de vacinação humana no Brasil. O texto estabelece os requisitos mínimos para a prestação de serviço de vacinação humana por parte de postos de saúde, hospitais, clínicas e farmácias.

 

Confira abaixo perguntas e respostas sobre a RDC 197:

 

- A variação de temperatura abaixo de 2°C e acima de 8°C pode comprometer a qualidade da vacina em função de suas propriedades. Como é possível realizar o monitoramento nos ambientes onde se armazenam e realizam o serviço de vacinação?

Não é novidade a dificuldade para se garantir as corretas condições de armazenamento das vacinas. É um assunto recorrente e centro de incessantes debates por profissionais da área de saúde.  A boa notícia é que o mercado já oferece soluções completas para o monitoramento da temperatura das vacinas. É desta maneira que podemos assegurar que o produto estará em perfeitas condições de uso para a população.

 

-Como é a utilização destes equipamentos e soluções para monitorar e registrar o controle destas temperaturas ? Eles podem ser facilmente instalados em ambientes que fazem refrigeração, tais como como geladeiras, sem a necessidade de um controle humano periodicamente?

Sim. Estas soluções podem ser instaladas de forma fácil e rápida nas geladeiras e freezers através de suportes magnéticos, possuem alta capacidade de armazenamento e registro de dados e operam com baterias internas, dispensando a necessidade de um controle humano periódico.

 

- É possível construir um sistema de monitoramento contínuo da cadeia do frio dentro de um ambiente de serviço de vacinação com um investimento relativamente baixo?

Sem dúvida. Aqueles que desejam ajustar-se à RDC 197 podem, a partir de um baixo investimento, construir um sistema de monitoramento completo e seguro.  As vacinas devem ser transportadas em caixas térmicas que mantenham as condições de conservação indicadas pelo fabricante. A Seção lll da Resolução, que trata da infraestrutura, preconiza a utilização de equipamentos exclusivos para a guarda e conservação das vacinas, enquanto a Seção IV trata da tecnologia e dos processos empregados. Os registradores de dados devem possuir registro diário continuo da temperatura, indicação de temperaturas máxima e mínima e certificado de calibração.

 

- Nas redes de farmácia e clínicas que possuem mais de uma unidade, é possível monitorar facilmente o controle de temperatura no deslocamento das vacinas, de forma que seja possível manter um estoque único por região e assim realizar uma economia na construção de ambientes adequados em cada ponto de atendimento?

Sim. Uma vez estabelecido o sistema em uma das unidades, a rede pode se valer deste ambiente a fim de concentrar seus estoques. As vacinas devem ser transportadas em caixas térmicas qualificadas, com registradores de dados capazes de armazenar os dados de temperatura durante todo o transporte.

Toda a coleta de dados pode ser realizada de forma rápida e simples localmente, ou compartilhados na plataforma de dados da NOVUS na internet (NOVUS Cloud), a partir de um smartphone com tecnologia NFC.

 

A NOVUS oferece soluções para medição e registro de temperatura que podem ser utilizados no transporte e manutenção de vacinas e fármacos.

Mais notícias

Fabricante de máquinas agrícolas utiliza CLP para automatizar sistema de alimentação de peixes

17/04/2018

Fabricante de maquinário para a agroindústria, a Trevisan, localizada no oeste do Paraná, contou com a tecnologia da NOVUS para desenvolver o FEED, um sistema dosador automático de alimento para peixes, que calcula o volume de ração por sensores posicionados na válvula dosadora, possibilitando maior precisão e consequente economia para o cliente final.

NOVUS participa de ciclo de palestras sobre soluções wireless

10/04/2018

NOVUS apresenta caixa térmica equipada com data logger

05/04/2018

Disponível em tamanhos que vão dos 5L aos 45L, Stabilis é a solução perfeita para o transporte de fármacos, vacinas e hemoderivados. Possui visor LCD e comunicação por NFC, além da capacidade de armazenar por até 48 horas.

NOVUS lança linha de transmissores de umidade e temperatura ainda mais precisos

21/03/2018

RHT Climate é a nova família de transmissores de umidade e temperatura da NOVUS, que chega ao mercado para atender as aplicações mais exigentes em termos de precisão, versatilidade e informações psicrométricas. É uma linha que eleva o padrão de qualidade das aplicações que requerem maior precisão em temperaturas e umidades extremas.

Encontro Técnico 2018: Um Novo Caminho

16/03/2018